• Grupo
  • Página

© 2016-2019 por "MOTOSPOT NEWS"

John Surtees, a excepção!

January 8, 2017

John Surtees em MV AGUSTA

 

Não é raro pilotos de motociclismo passarem para o automobilismo, normalmente isto acontece numa fase de pré-reforma, talvez por esta razão os resultados, normalmente, não correspondem às expectativas.

 

John Surtees, nascido a 11 de Fevereiro de 1934 no Reino Unido, é a grande excepção, foi Campeão do Mundo de Motociclismo de Velocidade nas 500cc e Campeão do Mundo de Automobilismo na F1.

 

As motos

 

Inicialmente participou em provas de Sidecar (como passageiro do seu pai), nessa altura, foram desclassificados quando descobriram a sua idade!...

 

John Surtees como passageiro do seu pai num sidecar VINCENT

 

 John Surtees em NORTON

 

Com 15 anos começou a correr em Grasstrack e aos 16 anos começou a trabalhar como aprendiz na VINCENT.

 

Em 1951 deu nas vistas ao dar grande réplica a Geoff Duke, a estrela da época, numa prova nacional em Thruxton.

 

No período entre 1952 e 1960 participou regularmente no Campeonato do Mundo de Velocidade (nas classes 125cc, 250cc, 350cc e 500cc). Utilizou EMC, NORTON, NSU, BMW e, finalmente, MV AGUSTA (a marca com que conquistou 7 títulos). Em 1955 passou a ter o estatuto de piloto de fábrica da NORTON e bateu Duke em duas provas: Silverstone e Brands Hatch. Os problemas financeiros da marca inglesa levaram-no a aceitar uma proposta da MV AGUSTA, onde ganhou a alcunha de "son of the wind".

 

Foi Campeão do Mundo em 1956 (500cc) e em 1958, 1959 e 1960 (nestas três temporadas venceu as 350cc e as 500cc em simultâneo). Entre 1958 e 1960 venceu 32 das 39 corridas do Mundial em que participou e foi o primeiro piloto a ter ganho a classe maior (senior TT) na Ilha de Man em três anos consecutivos.

 

Durante a época de 1960 começou a participar na F1 e em 1961 passou definitivamente para os automóveis.

 

Os automóveis

 

Participou no Campeonato do Mundo de F1 entre 1960 e 1972 de forma ininterrupta. 

 

Tripulou automóveis de vários construtores, por ordem cronológica, LOTUS, COOPER, LOLA, FERRARI, HONDA, BRM, MCLAREN e por fim a marca que criou, a SURTEES.

 

Foi Campeão do Mundo em 1964 com um FERRARI 158 e, em 1966, foi Vice-Campeão numa temporada em que disputou 2 GPs com um FERRARI 218 e os restantes (7 GPs) com um COOPER T81.

  

Em paralelo com a F1, desenvolveu uma carreira desportiva nos Protótipos e nas Séries Can-Am

 

SURTEES Racing Organisation

 

Em 1970, John Surtees criou a sua própria estrutura e carros seus participaram na F1, F2 e F5000.

 

As suas últimas participações desportivas foram a bordo de um automóvel da sua marca em 1972, no mesmo ano Mike Hailwood (outro ex-Campeão das motos) foi Campeão Europeu de F2 aos comandos de um SURTEES.

 

 

A aventura durou até 1978, embora com alguns sucessos, a permanente falta de recursos financeiros acabou por ditar o abandono do projecto.

 

Pelo caminho, fica, entre outras, a curiosa história de, em 1976, a SURTEES competir na F1 com um carro pilotado por Alan Jones e patrocinado pela marca de preservativos DUREX, por este facto a televisão inglesa recusou-se a transmitir as provas de F1 esse ano...

 

1976, apresentação do SURTEES F1, John Surtees com Vicki Harris

 

Entretanto

 

Após a aventura da SURTEES, John dedicou-se a algumas experiências comerciais e participou em diversos "meeting" vintage de motos e automóveis, usufruindo que a sua condição de ter sido o mais antigo, sobrevivente, Campeão do Mundo de F1 (após Jack Brabham ter falecido - 19.05.2014 e até à data do seu desaparecimento: 10.03.2017 com 83 anos de idade) e, em simultâneo  de 500cc/MOTOGP (depois de Geoff Duke ter falecido em 01.05.2015), lhe permitiu. 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

diminuido logo 02.png